Comprando em lojas de departamento

Oioi amorXs, tudo bem? O post de hoje é sobre compraaaaaas!!!

Que mulher não adora bater uma perninha no shopping pra conferir o que está em alta no momento?!

Mas quem nunca entrou em uma loja e ficou perdida sem encontrar nada? Ou achou linda a roupa da amiga, pergunta onde ela comprou, visita a mesma loja e não acha nada de interessante? Ou então gasta horrores em uma peça e se frustra por voltar na semana seguinte e encontrar a peça pela metade do preço? Pensando nisso, vivendo essas situações e as superando, no post de hoje vou dar algumas diquinhas de como comprar em lojas de departamento ou fast fashion, como a Zara, Forever 21, Renner, C&A, Riachuelo, entre outras, valorizando o dinheiro, se encontrando e realizando boas compras. Vamos conferir?

1. Encontrando seu lugarImagem relacionada

As lojas de departamentos são organizadas por gêneros (masculino e feminino-infantil) e dentro desses gêneros são organizadas por estilos, ou há quem diga faixa etária, mas como na minha opinião idade não define o que você veste prefiro chamar de estilo.

Então se você é mais clássica, não perca tempo no setor fashionista ou balada. Encontre seu setor ou ocasião para facilitar na escolha e economizar tempo. Os setores costumam ser: social, adulto, fashion, balada e básico.

2. Tenha paciência

Resultado de imagem para pressa
Não adianta entrar com pressa em uma loja, se está sem tempo é melhor deixar pra outro dia. A pressa te impede te enxergar ótimas oportunidades de compra. Como a diquinha do item a seguir.

3. Araras de últimas peças

Resultado de imagem para araras últimas peças renner

Tenha paciência para olhar as araras com as últimas peças, as vezes ali você pode encontrar o que está procurando por um preço remarcado e super em conta. Confira o próximo item.

4. Aproveitando as liquidações

Resultado de imagem para remarcação preço loja

Se você não está precisando com tanta urgência assim de uma peça que tal esperar a liquidação? Sabia que as peças entram em liquidação ainda na estação da coleção? As coleções de outono são lançadas ainda no verão, assim as peças de verão entram em liquidação e a lógica segue. Além do mais, existe remarcação de remarcação viu mores? É isso mesmo, promoção da promoção, às vezes vale esperar, mas o contra (porque toda situação tem um contra) desse ponto é que pode esgotar sua numeração.

5. Hora de provar 

Resultado de imagem para fila provadores

Não deixe de provar a peça escolhida, às vezes a peça parece linda exposta, mas não tem um caimento tão bom assim e você não quer ter essa frustração ao chegar em casa né? A diquinha extra é: se pegou uma peça de cima para provar, leve para o provador também uma peça de baixo, ajuda na hora de decidir se vai ficar bom com aquela roupa que tem em casa.

6. Conforto e praticidade 

Imagem relacionada

A última diquinha do post é de muita importância. Se planejou ir às compras escolha um look confortável, para não cansar e se sentir à vontade (esqueça saltos e roupas muito pesadas), e ao mesmo tempo um look prático, para conseguir provar roupas sem muita dificuldade (evite meia calça, cinto ou roupa muito apertada).

 

Espero que tenham gostado do post, deixem nos comentários alguma dúvida ou compartilhem algo com a gente.

XOXO, até a próxima.

A moda da rua: O que vemos por aí

Oioi amorXs, tudo bem? O post de hoje traz algumas informações e inspirações para acertar na hora de usar aquele look mara da estação.

Muitas vezes sabemos que o consumidor ligado  ás tendências da moda procura seguir os padrões vistos em desfiles, revistas e outros meios de comunicação e/ou informação, mas o que poucos sabem é que para um estilista ou uma loja lançar uma nova coleção, uma pesquisa muito bem estruturada é realizada e o mais interessante é que nessa pesquisa a aceitação do CONSUMIDOR da moda lançada é crucial para a movimentação de recursos, vendas e consequentemente a economia nesse meio. De nada adianta um estilista, marca ou loja lançar uma coleção super diferenciada se não houver a aceitação do consumidor. E essa aceitação não vem apenas do valor visual, mas sim de fatores psicológicos, sociais e econômicos os quais a sociedade vivencia no momento. E tudo isso que apontei acima está evidenciado nas ruas, isto é, nos tecidos, cortes, cores e combinações que nos deparamos diariamente nos looks das pessoas que possuem alguma identidade ou preocupação com a moda.

Pensando nisso resolvi trazer pra vocês essas combinações, os tipos de tecido, recortes e cores que estão sendo usados e abusados por aí, pra você também ficar por dentro, não somente da moda das revistas, mas também da moda vista nas ruas.

Bota + saia + tricô

Esse look é o campeão dessa estação mais fria, pois traz despojamento, conforto e proteção contra o friozinho. Botas over the knee (acima do joelho) entram com tudo nessa combinação e o tricô pode ser variado por casacos, blazer e jaquetas sobrepostos.

over the knee

 

Colete de pelo

Outro item que parece ter dominado o coração e o guarda-roupa das fashionistas de plantão é o queridinho colete de pelo (por favor, deem preferência ao sintético). Combinado com calças, vestidos ou saias esse item agrega estilo ao look.

colete de pelo

Moletom 

Para quem gosta de apostar no conforto, o moletom aparece para garantir essa missão. Traz despojamento e conforto ao look, além de ser um item quentinho para essa estação. Faça combinações inusitadas e garanta um look carregado de estilo.

moletons

 

Poncho

Outra peça inusitada que apareceu nesse inverno é o poncho, peça que é bastante usada na região Sul do país, por ser bem quentinha e proteger do frio e vento. Tem a aparência de uma capa, com abertura no centro para passar a cabeça. Essa peça aparece numa variação bem marcante, com bastante estilo, cortes, franjas e cores.

poncho

Tecido Suede

Esse tecido é parecido com a camurça, porém mais molinho e está bem presente nas vitrines nessa estação, principalmente em casacos, mas podendo ser encontrado também em outras peças, como calças, saias e blusas. As principais cores nas quais aparece são o caramelo e o preto.

suede

Acompanhem sempre as tendências da moda, mas não deixem de observar a moda presente nas ruas, ela sempre tem muito a nos dizer e a acrescentar.

Fotos retiradas da internet e montagens próprias.

 

Striort: Um tratamento contra estrias

Oi amoras, tudo bem?

Continuando o papo sobre estética (porque o verão, a praia e aquele biquininho branco que está guardado há tempos estão cada vez mais próximos), vim aqui falar sobre um método que promete ser revolucionário, garantindo resultados incríveis, a um custo acessível e sem morrer de dores. Uau, mas o que é isso? Mágica? Não, não é mágica, mas parece quase isso, é o Striort.

Ok, mas vamos lá, o que seria esse ‘Striort’ então? E como ele funciona? É perigoso? Tem 100% de eficácia? Para que serve? Continuem lendo e tirem todas suas dúvidas ao longo do post que tentarei explicar da melhor maneira possível 😉

download

O que é Striort e para que é indicado?

Basicamente consiste em uma Técnica Ortomolecular de Combate as Estrias trazida ao público pela profissional Ana Carolina Almeida (perfil do Instagram @acjalmeida). Sabemos que diversas técnicas existem para tratar as estrias, porém apresentam maior eficácia naquelas estrias ainda vermelhas, recentes. O Striort surge como um procedimento dirigido, principalmente, para aquelas estrias antigas, branquinhas que achamos que não tinham mais saída. Vamos entender primeiro o que seria essa ‘estética ortomolecular’. No início da década, a medicina ortomolecular ganhou fama ao defender o uso de suplementos vitamínicos, minerais, enzimas, aminoácidos e alguns extratos de plantas aliados a dietas ricas em nutrientes. O objetivo é neutralizar os radicais livres, formados a partir da oxidação que ocorre, naturalmente, no nosso corpo e que prejudicam o funcionamento das células, gerando um efeito visível na saúde da pele, cabelos e unhas. Com base nessa constatação, foi criada a Estética Ortomolecular, que também se apóia na prescrição de dieta equilibrada e suplementos para cuidar da aparência, porém focando principalmente no auxílio do uso tópico de produtos como cremes, loções, tônicos e máscaras feitos manipulados com ingredientes naturais e os mesmos nutrientes já exaltados pela medicina que segue essa linha. Em suma, é um procedimento que combina a alta tecnologia já desenvolvida para as práticas estéticas, com cremes e loções compostos de ingredientes naturais e necessários para evitar a ação dos radicais livres no nosso organismo.

Como funciona esse procedimento?

O Striort é uma combinação de técnicas envolvendo a estética ortomolecular como citado anteriormente. Sabemos que estrias são o rompimento das fibras elásticas que sustentam a camada intermediária da pele, formada por colágeno e elastina (responsáveis pela elasticidade). São lesões lineares, geralmente paralelas, que podem variar de 1 a vários centímetros de extensão. Quando as estrias estão brancas é porque houve a interrupção da passagem da corrente sanguínea por aquela região e o método Striort consiste em um aparelho a vácuo, combinado com loções com princípios ortomoleculares que a partir do momento em que é passado na pele, ‘puxa’ o sangue para a superfície estimulando a passagem da corrente sanguínea novamente para a região, tornando as estrias vermelhas e tratáveis. A partir do momento em que as estrias estão vermelhas é como se uma nova cicatriz fosse formada naquela região e tratamentos caseiros e acompanhamentos com o esteticista são necessários para auxiliar na amenização da aparência da mesma.

Qual a eficácia do Striort? Dói? Traz riscos á saúde?

O método promete eliminar até 80% da aparência das estrias brancas já na primeira sessão (lê-se primeira sessão e não instantaneamente), claro que como tudo na vida, a eficácia desse procedimento dependerá do profissional, produtos e tecnologias utilizadas e do organismo de cada um. As sessões são realizadas com um intervalo de aproximadamente 30 dias e o resultado prometido é considerado satisfatório. Os cuidados caseiros são orientados pelo profissional, mas o uso de produtos que estimulam a regeneração celular e a cicatrização do local são imprescindíveis para um resultado melhor.

A dor varia de indivíduo para indivíduo. Há quem jure sentir muita dor e por outro lado, pessoas que sentem praticamente nenhum desconforto. Porém o procedimento não é invasivo e completamente tolerável. O incômodo é gerado devido ao atrito constante do aparelho com a pele, mas não há perfuração, nem ruptura do tecido.

Até o momento, nenhum caso de riscos à saúde foi encontrado ou divulgado para esse método, então é considerado seguro, porém é MUITO importante procurar um BOM profissional.

Onde encontro uma clínica para realizar esse procedimento? Qual o custo?

O custo desse procedimento não é fixo, varia muito de região para região e de clínica para clínica. Diversas clínicas pelo Brasil e pelo mundo já realizam esse procedimento, mas procurem um bom profissional, pois lembrem-se que a saúde, segurança e bem estar devem estar em primeiro lugar sempre.

 

Para maiores informações ou dúvidas deixem nos comentários que tentarei responder. Espero que tenham gostado da matéria! Bora ficar linda 😉 Beijos e até a próxima!

Como usar pantalona? 70’s is back!

Oi amooooras tudo bem? Adoro esse aspecto vai e vem da moda, por isso sempre deixo minhas roupinhas no armário quando a moda vai embora, porque um dia sei que vai voltar, a moda é assim, um tremendo vai e vem e eu adoro isso! Muito triste ter que abrir mão de uma peça de roupa porque passou a trend, né, meninas? Por mais esse motivo que a moda é vida, é mara, é minha paixão!

Bom, vamos ao que interessa, a trend das pantalonas que voltaram com tudo no final de 2014, começo de 2015 e com modelos leves e fluidos são escolhas certas para o verão. Para o inverno, o tecido vem mais quentinho e acolhedor. Como usar a pantalona sem errar? Abaixo listo algumas recomendações que devemos prestar atenção, mas sempre digo, quem faz a sua moda é você mesma! 😉

  1. Sempre no look devemos focar a atenção, caso contrário, os olhos se perdem e acabam não vendo nada da nossa composição. As calças pantalonas já chamam a atenção para si próprias e quando vêm acompanhas de estampa então, prendem os olhares. Então para o resto do look opte por peças básicas e monocromáticas. 10
  2. A pantalona costuma ter um corte mais alongado, obrigando o uso de saltos, o que é uma ótima opção, pois alonga a silhueta, além de conferir um ar elegante ao look.3
  3. Podemos ver que a calça pantalona confere volume na parte inferior, então deve-se tomar cuidado com a peça de cima para não dar o ‘efeito balão’. Se a calça for acinturada, a peça superior pode apresentar volume maior nessa região e se ajustar no colo, mas sempre deve ser colocada dentro da calça.Sem título
  4. Evite o modelo feito em jeans se você tiver quadris muito largos. O tecido grosso acaba evidenciando este tipo de coisa. Prefira tecidos leves, que ajudam a disfarçar os quadris.4
  5. Quanto aos acessórios, prefira bolsas pequenas ou carteiras, pois como já dito a evidência deve ser a calça pantalona, sendo assim, evite a confusão de olhares e os guie somente em uma direção, esse é o segredo 😉Foto-15-10-14-11-33-35-682x1024

Eai, vão encarar essa trend?

Fotos: Reprodução da internet

Tendência: Body Chain

Oi oi amoras, tudo bem com vocês?

Vim aqui falar sobre uma tendência que já atingiu a cabeça da mulherada por aí. São os ‘body chain’. São aquelas correntes que ficam penduradas pelo corpo, sabe? Falando assim soa até estranho, mas não é nada de 50 tons de cinza não gente! O acessório fica até bem bonito se usado da maneira certa.

A inspiração da tendência vem diretamente da Índia e foi adaptada às passarelas por estilistas como Alexander Wang e Givenchy. Graças às famosas, como Vanessa Hudgens, Jennifer Lopez, Beyoncé, Rihanna e Miley Cyrus, ela se tornou bastante popular. E não só em composições de dia a dia, mas em looks para a praia também. Suas versões vem em diferentes pegadas, tem pro corpo (body chain), pra cabeça (head chain), para as pernas (leg chain), pra mão (hand chain), para o braço (arm chain), pro dedão do pé (brincadeira)… Mas sério meninas, fica bem bacana e tem diversas variações. Eu já adquiri algumas versões e estou curtindo usar com um look mais descolado, ou em um mega básico com cores monocromáticas para dar um destaque à peça. Abaixo seguem algumas inspirações pra vocês se familiarizarem com essa belezinha =)

28471ef93213b16c1fc8aab2fdbbfcda body_chain_biker      BODY_CHAIN3_large bodychain_mileycyrus              il_570xN.393981508_l1ro_largejpg  OS 03 REV   body-chain-tendencia-acessorio-2014                                 Street-Style-May-2015107

E aí meninas, o que acharam? Hot or not? As opiniões divergem-se sobre essa tendência, mas eu gostei, exceto em algumas produções exageradas que eu falo NOOOOOOT! Abaixo, alguns lugares para adquirirem caso tenham se interessado. Beijo beijo.

Aqui na Dafiti tem!

Aqui na Astralle tem também!

Pode comprar na Mystic se quiser.

Dica do dia: 7 removedores de maquiagem que você tem em casa

Oi amoras, tudo bem?

Hoje vim fazer esse post para dar uma dica pra vocês. Todo mundo sabe que a maquiagem deve ser removida com demaquilante próprio para cada área do rosto, certo? Mas e quando o demaquilante acaba e te pega de surpresa? Ou quando você vai viajar e esqueceu o demaquilante em casa? Ou foi dormir fora de última hora e não tem removedor por perto? Pois bem, você tem 7 removedores dentro de casa e não sabia. Vamos ver quais são?

remover-maquiagem-rosto-face-olhos-4

  1. Azeite de oliva: Embebede um cotonete em azeite de oliva e passe na região dos olhos. Ele vai facilitar a retirada da maquiagem evitando o ressecamento da sua pele por lavagens sequenciais. Enxague com água morna e se ainda houver resíduos repita o processo.
  2. Óleo de bebê: Assim como o azeite de oliva, por ser oleoso, o produto auxilia na remoção da maquiagem, principalmente na área dos olhos. Aplique com a ajuda de um algodão e lave o rosto na sequência. O óleo como propriedade de base tem poder para remover toda a maquiagem, incluindo produtos à prova d’água”.
  3. Hidratante facial/corporal: O hidratante aplicado com o uso de um pedaço de algodão pode facilitar a retirada da maquiagem forte dos olhos e cílios. Como não tem propriedade demaquilante, o rosto deve ser lavado em seguida e o hidratante não pode ser usado muitas vezes para esse fim.
  4. Leite com óleo de amêndoas: Esse ingrediente tão usado em cosméticos pode ser um grande auxiliar para a retirada da maquiagem. Molhe um algodão no leite, pingue gotas de óleo de amêndoas e passe pelo rosto todo e em seguida enxague com água morna.
  5. Sabonete íntimo: O sabonete íntimo tem o pH mais adequado para a limpeza da pele do rosto do que os sabonetes comuns. Enquanto os comuns são alcalinos, com pH entre 6 e 9, os íntimos tem em média o pH 4,4. Ele limpa o rosto sem desidratar a pele, mas não tem componentes que retiram a maquiagem, então pode ser usado junto com um dos ingredientes citados acima para maximizar o potencial de limpeza.
  6. Xampu de bebê: Os xampus Johnson são bastante usados pelas mulheres como demaquilante. Eles tem pH balanceado, são livres de álcool e sabão, e substituem, sim, o sabonete facial por terem uma fórmula leve, neutra e que não arde nos olhos. Mas não é um demaquilante em si. Assim como o sabonete íntimo, mesmo se usado várias vezes, o xampu de bebê não retira os resíduos de maquiagem invisíveis a olho nu. Por isso, também age somente como coadjuvante com os outros ingredientes indicados.
  7. Condicionador: Os condicionadores também são muito utilizados em desfiles quando há muita troca de maquiagem. Em casos de improviso, é uma excelente opção.

Vale ressaltar que nenhuma dessas soluções deve ser usada em substituição do demaquilante. Elas auxiliam na retirada da maquiagem em situações atípicas nas quais não é possível ter acesso a um demaquilante, mas não são capazes de limpar a pele apropriadamente. Essas soluções NÃO DEVEM SER USADAS FREQUENTEMENTE, pois podem prejudicar a pele com o uso constante e como não limpam profundamente podem causar o entupimento dos poros da face. Em caso de dúvidas, consulte um dermatologista.

Espero que tenham gostado das dicas meninas. Beijinhos e até a próxima.

PS: parte desse post foi retirado do site Dicas de Mulher

Tattoo Chokers

Oi amoras, tudo bem? Vim aqui falar sobre uma moda que eu também aderi nos últimos dias, as tattoo chokers. Vocês já conhecem ou lembram delas? Eu usei muuuuito quando era mais nova, mas elas vinham no chiclete e era super fácil de encontrar e eram muito baratas (e quando saíram de moda eu tinha certeza que nunca mais usaria algo tão bizarro, mas né, vai entender). Hoje não é muito bem assim, o público que antes era infantil, hoje abrange adolescentes e jovens adultas, como eu =D hahahaha. O acessório ganhou força, pois complementa o look boho/hipster que tem ganhado muito destaque atualmente.

Bem, parece que as fashionistas estão revivendo os anos 90 e trazendo toda a cultura trend daquela época para os dias atuais, temos os hot pants, os conjuntinhos, croppeds, franjas e tiras, mas os colares que vinham no chiclete que imitam tatuagem? Por essa eu não esperava!! Mais uma vez as tendências e a moda nos surpreendendo novamente e nos dando a dica de não nos desfazermos de nossas coisas quando sair de moda, porque né… Vai que volta, e podem ter certeza… VOLTA!

Meninas, a dica para usar essa belezinha é apostar como acessório em looks com pegadas mais boho/hipster/rock. Combinem com outros colares curtos ou mais longos, o efeito fica bem bacana. Mas se forem apostar nessa trend mergulhem no estilo sem medo de ser feliz, pois a moda é o que fazemos dela. Cada um busca um estilo para se sentir bem. Se você encontrou isso, não se importe com a opinião alheia, críticos vemos em todas as partes, mas para não passar no farol vermelho do mundo fashion busque algumas dicas, sempre dá para incrementar, mudar ou melhorar 😉

Deixarei inspirações para vocês, de famosos, de desconhecidos e minhas. Espero que gostem. Para quem quiser adquirir, no exterior é muito fácil de achar por um preço muito baixo, como no site do Aliexpress, aqui no Brasil temos menos opções e os preços costumam ser um pouco mais altos, a minha eu adquiri no site da Elephant, custou R$15,00. Qualquer dúvida deixem nos comentários. Beijinhos e até a próxima loucura da moda 😉

20615-tattoo-choker-bruna1

Bruna Marquesine aposta nas chokers

 

11264558_1827956960762716_996429700_n

Blogueira Thassia Naves que lança a moda, aderiu ao trend.

 

img_0884

Blogueira Gabriela Sales também não ficou de fora.

 

tattoo-choker-katy-perry

Katy Perry apostou na choker colorida.

 

tatuagem-passarela-carven

Choker da passarela.

 

74b4f672490dd3b8ff3625d4d3e3afb1

Choker com estilo boho agrega estilo ao look.

 

choker3-1024x1024

Perfeita inspiração.

 

colar-tattoo-choker

Combine com outros colares e se surpreenda com o resultado.

 

image

 

 

 

image